Um país que vive da solidariedade

por Mário Jesus

É certo, para quem chegar a ler esta opinião, que irão achar que sou um indivíduo “frio”. Mas, não será porém uma realidade que somos um País, que vive constantemente de mãos estendidas, sempre à espreita da tão tradicional mendicidade e  à pedinchice caseira, com sucessivas campanhas de solidariedade, quase a quererem substituir o dever do Estado. Ou será que esse mesmo Estado só serve para nos “sacar” impostos?

Como tal, não podemos culpar somente esta pandemia da COVID-19, que atirou muitas das nossas famílias para um enorme abismo e que muito tempo levará para voltar a restabelecer as nossas vidas, para ficarmos com alguma estabilidade económica, assim como para muitos poderem recuperar os seus postos de trabalho.

Para resolver os graves problemas de muitas famílias, não chega promover campanhas de ajuda alimentar…porque todos os dias temos “fome”.

MÁRIO DA SILVA JESUS

PUB

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Clique aqui para saber como são processados estes dados.