Partilhe

Não é grave. É muito grave.

Muita Atenção !

O ponto de situação não é grave, é gravíssimo. O número de infectados só reflete os número de testados positivos sars-cov-2. Os infectados, assimptomáticos ou noutras condições não estão nestes números. O relativo grau de liberdade, pressuposto falso pela passagem do estado de emergência a estado de catástrofe não permite graus de liberdade em relação a comportamentos individuais. A pandemia está muito, muito longe de estar controlada. O número de infectados assimptomáticos é provávelmente 10 vezes superior aos confirmados.

Relembramos aqui as regras de comportamento social ou então vai saltar tudo fora de controlo. Os números não mentem e assim isto vai piorar e muito.

Comentar