Partilhe

Palavras para quê ?

Chegou ao ponto de não retorno. Inadmissível. Devemos deferências? Claro que não. Devemos é participar a todas as entidades e autoridades competentes o que o artista faz. Fazer isto, não é uma obra de arte, é um insulto às pessoas de Mões, é um insulto a PORTUGAL.

Parque infantil na ruína, perigo eminente e criminoso, coisas sem sentido tipo lixo dependurado nas árvores e candeeiros, lixo por todo o lado, sinalética esturricada há 6 anos, iluminação a cair, enfim, abandono, incúria, até ao crime. Mões num processo sem retorno. . Continuam plásticos dependurados por todo o lado a anunciar a Feira. No entanto, na Feira, eram proibidos plásticos. Incompreensível.